terça-feira, 24 de setembro de 2013

Mulheres...

As responsáveis pela tua inspiração, e pela tua perdição. Aquelas que te levam a experimentar os sabores mais doces e amargos que a vida pode proporcionar. Donas da tua criação desde o dia do teu nascimento. Delicadas e perigosas. Anjos e Demônios. O Céu e o Inferno na sutileza de um olhar. 


terça-feira, 17 de setembro de 2013

Uma criança como você

Escrito por: Walter August Schvabenland


Estava no mercado quando abruptamente percebo que ao invés de estar brincando, me apoiando com os pés no carrinho de compras, estou pesquisando preços. Passei a tratar garotas que um dia eu faria de tudo para ter com indiferença e naturalidade, aliás, faz tempo que não me apaixono. Antigamente eu era muito garotinho, mas hoje sei que existem Mulheres de verdade e não me contento com alguém que liga mais para o corpo do que sua cultura. “Smart is the new sexy”, agora esta frase faz MUITO sentido. Ando com insônia, tomando whisky, heineken e muito, muito café preto. Tenho medo da vida ao mesmo tempo que a desejo. Não tenho certeza se meu relógio biológico está desregulado ou ando muito ocupado, pois o dia passa feito flash’s e quando vejo já estou dormindo de novo, ouvindo as mesmas musicas e cansado, muito cansado.
Olhando agora mesmo meu reflexo na televisão desligada, sei que estou ficando maduro. Sozinho eu sempre estive, mas hoje não dói mais; Prefiro assim. E sem chorumelas, vamos trabalhar afim de manter-se distraído. Sinceramente, se eu ficar parado e começar a pensar, vou querer questionar a mim mesmo ante ao espelho. Não sei se eu teria orgulho de ver o homem que me tornei…

www.walteraugust.tumblr.com


Chinno Ferreira:


Continue agindo como se fosse o dono do mundo. Julgando pessoas como se você fosse perfeito. Continue falando de valores enquanto ainda corre por dinheiro. E falando de amor verdadeiro, enquanto seu coração continua congelando num canto do mundo. 
Metade de você é a pessoa que quer ser de verdade. E a outra metade é a que tem vivido ate agora, e esta digitando neste exato momento.
Você nada mais é do que a sombra da pessoa que deseja se tornar, garoto. Você tenta ser bom, mas tentar não é o suficiente. E você sabe disso.
Está perdido no meio dos seus ideais, tentando segui-los tão desesperadamente que esquece de aprender com seus erros. E do que adianta escutar sua consciência e escrever sobre ela, se é incapaz de seguir seus próprios conselhos com atitudes ao invés de palavras?

segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Like a Friend




A arte é capaz de estimular sua imaginação e sua criatividade. Uma arte pode ser capaz de te levar a um ou vários momentos que vão ficar guardados na sua memória pelo resto da sua vida. Pode mudar sua vida completamente. Marcar você de uma forma que seria impossível tentar descrever com palavras.


Estou apaixonado

Tô apaixonado.
Pode parecer estranho ouvir isso, mas não deixa de ser verdade. Como não me apaixonar por ela? Logo ela que é a única que ainda consegue me fazer sentir alguma coisa, mesmo eu já sendo uma pessoa tão fria. Depois de um tempo acabei percebendo que ela se tornou essencial, e que minha sanidade depende da existência e da presença dela. A única que consegue me completa e me define ao mesmo tempo...
Minha Arte... minha válvula de escape, minha paixão.


sexta-feira, 13 de setembro de 2013

Não fique aí sozinho...

Escute...


Engraçado, não é? Tantas pessoas ao seu redor, e você parece sentir como se estivesse no topo de uma grande montanha, tomando seu café na beira de um precipício, sozinho. E as pessoas estão tão distantes que você nem ao menos consegue reconhece-las. Elas não conseguem enxergar onde você está, e nem imaginam como se sente. Porque você se isolou.

Sim. Foi você quem procurou chegar a essa altura, mesmo que suas intenções tenham sido as melhores, tentando enxergar o mundo de uma forma diferente. E mesmo que seja tudo tão belo aí de cima, jamais será tão magnífico quanto seria se estivesse acompanhado. Pois tudo que existe de incrível, é ainda melhor quando compartilhado.
Então, aonde quer que você vá... leve alguém com você. Não tenha medo de mostrar seu mundo a um desconhecido. Não tenha medo de conhecer pessoas novas e mostrar a elas algumas páginas do livro da sua vida.




segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Salve as crianças... salve os humanos.

 Se eu não for capaz de fazer deste mundo um lugar melhor para o meu filho... Então farei com que ele crie um novo usando sua imaginação.
Lembra quando éramos crianças? Conseguíamos enxergar um mundo totalmente novo através da nossa imaginação. O galho de uma árvore se tornava a espada de um herói destemido. Uma árvore era uma aventura, uma montanha cheia de bichos estranhos que podiam falar e contar histórias enquanto tentávamos chegar ao céu que as folhas escondiam.
Cada trilha diferente que percorríamos a caminho de casa era um mundo novo. Tínhamos ursos que nos protegiam dos monstros à noite. E cobertores mágicos impediam a entrada de qualquer mal que pudesse atrapalhar nossos sonhos.

Imaginar era tão fácil quanto respirar.
Mas com o tempo, aprendemos que apenas respirar era essencial. E perdemos essas terras maravilhosas que poucos conseguiam enxergar. Perdemos as aventuras e as histórias incríveis.

Esquecemos como era fácil realizar desejos e sonhos através da nossa imaginação.

Tal vez nossos filhos venham a nos lembrar...

segunda-feira, 29 de julho de 2013

As pessoas precisam de você...


A noite chega, mais uma vez. E com ela, a paz. Quantas vezes eu estive aqui ao teu lado, te fazendo companhia nas horas mais escuras?
Eu sei que você tem seus problemas, sei que passa por dificuldades todos os dias. Sei que pensa que as pessoas parecem se colocar contra você, e muitas vezes fazem você acreditar que não existe mais esperança. Mas eu estou aqui pra te dizer o contrario. Estou aqui pra fazer você acreditar que as pessoas precisam apenas de alguém para guiá-las pelo caminho certo. Precisam de alguém que lhes sirva de exemplo, precisam de alguém que lhes mostre que existe bondade ate mesmo quando elas só oferecem o contrário. Elas precisam desesperadamente de alguém em quem se espelhar. Elas precisam de você.

EU preciso de você.

 

sábado, 27 de julho de 2013

A noite é escura e cheia de terrores...


Já estava com saudades da solidão. Do café que parecia ser a única coisa capaz de preencher minha alma. Dos meus piores sentimentos transformados em arte. Pois são nas horas mais escuras que você consegue apreciar cada detalhe do seu dia a dia, da sua vida. É durante a noite que seus medos aparecem e você aprende a enfrentá-los, pois a noite é escura e cheia de terrores. E é sempre mais escura antes do amanhecer...

 

quarta-feira, 1 de maio de 2013

Rumo ao fim do mundo...


Sente-se no banco do carona no meu conversível, pegue uma cerveja e prepare-se pra uma longa viagem pela estrada do desconhecido ao som de uma boa música. Vamos visitar cada boa lembrança que temos enquanto passeamos por uma estrada deserta no meio do nada, rumo ao fim do mundo. Ao fim do mundo que nos decepciona. E ao começo de um novo que iremos moldar com nossas vontades.



quarta-feira, 24 de abril de 2013

O que você faria se tivesse superpoderes?



"O que você faria se tivesse superpoderes? "

Se você fosse sincero consigo mesmo ao responder essa pergunta. Suas palavras seriam algo parecido com isto:

 - "Provavelmente tentaria achar alguém que me dissesse o que fazer com eles e como ganhar mais dinheiro fazendo isso."

Afinal, é isso que normalmente fazemos com os nossos dons.
Raramente pensamos em fazer algo grandioso ou em ajudar outras pessoas com nossos talentos. Normalmente pensamos em dinheiro. Então por que seria diferente se pudéssemos voar ou levantar um tanque com apenas uma mão?



O que muita gente não entende...


O que muita gente não entende, é que um ilustrador não ganha talento e habilidades para desenhar do dia pra noite. São necessários muitos anos de aprendizado, esforço e dedicação.
E vocês descartam esses anos e desvalorizam nosso trabalho quando pedem uma arte de graça ou baratinha.








Tem mulher...


Tem mulher que subestima o valor de uma amizade, a partir do momento em que se ilude com a ideia de que pode falar o que quiser, pelo simples fato de ter aquilo no meio das pernas

quarta-feira, 17 de abril de 2013

Aprendendo com o Super...


 Lembro de meninas rindo da minha cara por eu gostar de quadrinhos desde que eu me conheço por gente.

Ser um nerd no colégio nunca foi uma vantagem. As notas altas agradavam apenas os pais e os professores. E desde pequeno eu aprendi que era melhor evitar fazer comentários sobre minha admiração pelo Super Homem, e sobre tudo aquilo que ele representava...

Mas nunca deixei de admirá-lo. Mesmo agora com meus 20 e tantos anos, eu ainda vejo muito mais do que apenas um super herói vestindo uma cueca por cima da calça. Sempre o vi como um simbolo de bondade e esperança. Um exemplo a ser seguido. Um salvador que não pede nada em troca, nem amor e nem reconhecimento. Um homem que faz o bem sem esperar nenhuma recompensa.





Eu posso dizer que, na ausência de um pai na minha vida inteira, Kal-El me ensinou muito mais do que qualquer pai poderia ter me ensinado. Me ensinou a ter orgulho de mim mesmo através de boas ações. Me ensinou que somos capazes de fazer coisas grandiosas, e aprender com os nossos erros. Demonstrou que não precisamos de superpoderes para ajudar as pessoas. E existem muitas maneiras de salvar a vida de alguém.

Eu espero que esse novo filme consiga explicar tudo aquilo que o Super Homem representa.



terça-feira, 16 de abril de 2013

Winter is Coming...

A luz do sol que nos ilumina se torna mais fraca, e a cidade veste novas cores. As arvores nos presenteiam suas folhas, e ao pisar nelas escutamos seu aviso de que as coisas estão mudando. Um tom laranja cobre as tardes cada vez mais aconchegantes, e a brisa refrescante que beija nosso rosto se torna cada vez mais frequente. O cheiro de café pela manhã invade nossas casas, e seguramos nossas xícaras como se estivéssemos abraçando um velho amigo que não víamos a muito tempo. O calor humano se torna mais agradável  e cada tremor do nosso corpo nos lembra que a melhor época do ano esta se aproximando. Então é melhor você pegar seu casaco, e começar a esfregar as mãos pra ir se aquecendo.
O Inverno está chegando.

quinta-feira, 28 de março de 2013

Deixe eu lhe contar sobre as minhas tardes.

Prefiro aquelas tardes frias com cheiro de café, especificamente a hora em que a luz do sol ainda consegue entrar pela janela tentando iluminar minha área de trabalho enquanto se despede no horizonte. É nessas tardes que minha vontade de desenhar costuma surgir inexplicavelmente. Tal vez pelo simples fato de gostar daquele momento em particular. Não sei. Mas sei que essas tardes de café com tédio misturados com traços que tentam definir uma forma agradável numa folha qualquer, costumam passar rápido, e as horas parecem desaparecer a cada gole de café.




Normalmente a música acaba sendo o gatilho de uma arma apontada para mim, pronta para disparar um projétil de inspiração que possa entrar na minha mente. Fazendo com que as idéias na minha cabeça jorrem percorrendo meu braço, se direcionando para a ferramenta na minha mão que traça os sentimentos na superfície da folha antes em branco.

sexta-feira, 22 de março de 2013

Open your eyes...


Há quanto tempo tenho vivido nessa mentira reconfortante?
Vivendo nesse mundo cheio de imperfeições e fechando meus olhos para tudo aquilo que eu não queria ver, dando atenção apenas para as coisas bonitas nele. Nunca parei pra pensar que é nessas coisas que ignoro onde eu deveria focar a minha atenção, pois são as partes ruins e imperfeitas que devem ser mudadas!
Fechei meus olhos durante muitos anos por achar reconfortante viver no pais das maravilhas, sendo que nada do que eu havia projetado em minha mente era de fato real. Ver o que realmente se passa do lado de fora de meu mundinho “perfeito” me motivou a fazer com que as pessoas à minha volta sejam capazes de ver o mesmo que eu, pois sei que sozinha não consigo mudar o sistema falho no qual vivemos.

- Daniela A. Medina



segunda-feira, 18 de março de 2013

Ser ou não ser...?

Vejo sempre a mesma imagem:
Eu, sentado confortavelmente num sofá situado perto de uma janela grande por onde a luz da lua cheia consegue entrar e iluminar aquela sala vazia, fumando um cigarro enquanto bebo uma xícara de café, olhando para o nada. Mas a pessoa ali sentada não sou eu. Ele tem meus olhos, meu rosto, o mesmo jeito de se sentar e ate os mesmos gestos que eu.... mas não sou eu dentro daquele corpo. Ele é tudo que eu não sou, tudo aquilo que eu escondo de mim e do resto do mundo. É alguém que eu não conheço de verdade, porque nunca procurei conhecer... nunca lhe dei a chance de viver fora dos limites que meu bom senso lhe colocou. Eu o mantenho ali trancado, sem ter ideia do que ele é capaz... sem saber se ele é bom ou ruim.

Sem saber se posso controlá-lo ou se essa parte do meu ser vai tomar conta de mim por completo.
Tal vez eu seja uma pessoa ruim tentando ser alguém bom. Escondendo a raiva dentro de mim. Confiando nas pessoas, mesmo sabendo que não merecem nem o meu respeito. Insistindo em querer ver apenas o que há de bom nelas, quando nem elas são capazes de enxergar sua própria bondade.
Tal vez essa raiva que eu escondo dentro de mim seja minha verdadeira identidade. E eu sou apenas a ilusão de querer ser alguém melhor do que ela.

sábado, 16 de março de 2013

Hey, você. Sim, você mesmo...

Preste atenção. Consegue ver?
Consegue ver o final da tarde chegando pela janela do corredor? Na tua frente há uma porta de madeira trabalhada que exala um cheiro de nostalgia. Ao olhar pra maçaneta, um sorriso é desenhado no teu rosto, pois você sabe o que tem do outro lado. Você entende que atras daquela porta está teu momento de paz e reflexão. O som que ela faz ao abrir é acompanhado pelo aroma do café que invade aquele pequeno quarto.  Ali no canto se encontra a poltrona onde você costuma descansar teu corpo e tua mente, bem ao lado da mesinha de madeira que parece manter tua xícara de café em segurança. Você consegue sentir o calor vindo da lareira a cada passo que te aproxima da tua poltrona, e ao mesmo tempo não consegue deixar de notar o sol se despedindo, dando seu ultimo toque alaranjado nas folhas da árvore que se encontra do outro lado da janela. Ao se sentar na poltrona consegue sentir o mundo inteiro ir embora. Tuas preocupações se desvanecem  junto com o vapor do café, enquanto você saboreia o primeiro gole do teu vício. Sinta o gosto da saudade e nostalgia invadindo teu corpo enquanto admira as artes e fotos penduradas na parede. São lembranças enquadradas e guardadas como tesouros. Mil pensamentos invadem tua mente, e ouve risos dos melhores momentos da tua vida se misturando com o som do crepitar do fogo na lareira. As paredes não te impedem mais de ir aonde você desejar. Teus pés não tocam mais o chão. Agora você está numa ilha onde teus pensamentos podem preencher cada pedaço dela, e cada pedra que alguma vez esteve no teu caminho se encontra ali, como uma lembrança de tudo aquilo que você já superou um dia. O som das ondas trazem consigo o som do silêncio, e o vento que beija as folhas também beija o teu rosto.


Ali estão todas as respostas que você procura. Naquele quarto confortável e somente teu, onde consegue encontrar a paz. No único momento em que você pode conversar consigo mesmo e descobrir coisas que irão te impressionar.
Ali... dentro de você... vai encontrar a paz, e consequentemente as respostas sobre a vida e sobre tudo aquilo que ainda tem dúvidas.

Quanto tempo...

Fica ai... não fala nada.

Fique com as lembranças de velhos amigos e momentos inesquecíveis. Não precisamos dizer nada pra saber o quanto foi importante. Não precisamos nos ver todos os dias para saber que sentimos falta do passado.


Não fale nada. Pois a felicidade de rever um velho amigo é tão grande, que da medo de expressar em palavras o quanto nos faz bem ver as lembranças de uma amizade num sorriso que não víamos há tempo.

Apenas sorria. Deixa eu ver o quanto nos divertimos no passado.


Gosto de me espelhar em pessoas, não Deuses.



Existem pessoas, poucas pessoas no seu Facebook que você admira. Acompanha as coisas que elas costumam postar: idéias, frases e tudo aquilo que possa definir uma personalidade oculta que ate mesmo nós costumamos esconder fora da nossa vida virtual.
São essas poucas pessoas que muitas vezes fazem valer a pena uma pequena olhada no feed de notícias. São esses posts que fazem você se sentir melhor ou te levam a um pensamento mais profundo em relação a determinado assunto. Mas por que sempre acompanhamos de longe? Por que não uma conversa normal entre duas pessoas e descobrir realmente como são essas pessoas e o que pensam da vida?
Tal vez porque queremos lidar com exemplos. Queremos saber do tipo de pessoas que elas almejam ser, e não do que ainda são. Todos nós procuramos ser pessoas melhores, exemplos de vida... mas ainda estamos presos a idéias e ideais que, durante os anos, foram definindo nossa forma de agir em relação ao mundo e às nossas decisões. Vivemos com medo do que pode acontecer se escolhermos errado. Vivemos com medo de perder a nossa "estabilidade", medo de perder esses falsos amigos que iriam embora depois de ouvir "eu não acredito em Deus". E digo falsos, porque amigos de verdade não julgam, não se importam com a tua religião ou a falta dela.

Então diga o que você pensa, sem medo. Fale o que tem vontade de fazer sem se importar em agradar os outros. E então, vai ter amigos de verdade ao seu lado, e provavelmente vai ter muitos mais ao expressar o que realmente pensa

 .

terça-feira, 5 de março de 2013

Quem é você?


Desculpe. Tenho ficado ausente por tanto tempo, que nem sei ao menos como voltar ao meu lugar.
Fica difícil recomeçar a moldar sua personalidade, quando abandonou boa parte da sua imaginação por tanto tempo.



Antes, conseguia sentir o cheiro do meu café se misturando com meus pensamentos e traçando as linhas que ilustram tudo aquilo que eu sinto, ou acho que sinto. Mas agora, meu café esfria, e eu me perco em pensamentos enquanto a folha continua em branco.

Tenho tentado me motivar através da ilusão do dinheiro. Mas o dinheiro não motiva a alma, se é que tenho uma. Minha única motivação vem da capacidade de poder criar alguma coisa. Mas de nada vale criar algo sem propósito... ou vale?
Tal vez o propósito da minha arte seja apenas manter minha sanidade. Expressar o que sinto sutilmente, ao invés de me deixar explodir com atitudes e palavras que possam ser mal-entendidas.

A arte, é minha válvula de escape.

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Geminis


Como se de repente tudo fizesse sentido ao observar o céu, e observar as nuvens dizendo que esta tudo bem agora.





Foto: Daniela Alejandra Medina

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Crescer sem medo



Hoje eu sonhei com a minha cidade, e chorei ao vê-la exatamente do jeito como eu me lembrava dela. Ver cada prédio e cada rua daquele lugar era como vivenciar um sonho há muito tempo esquecido. Incontáveis lembranças passaram pela minha mente enquanto admirava a floresta onde eu costumava brincar com as melhores amizades que tive na minha infância. E de alguma maneira senti que nunca deveria ter saído de lá.
Ao admirar as casas tão familiares que ocupavam meu bairro, senti uma obrigação de levar meu filho para morar ali, e fazer com que ele pudesse entender o quanto é valioso crescer num lugar simples, onde se possa brincar na rua sem medo.




quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Por Favor, entre...


Sente-se confortavelmente naquele sofá perto da janela que deixo reservado para as minhas amizades.
Pegue sua xícara e sinta o cheiro amargo da distância que insiste em nos manter afastados.
Sinta o gosto peculiar da saudade, a cada gole desse líquido que mantém seu corpo quente na ausência de um abraço.
Veja as lembranças da nossa amizade sendo modeladas pela fumaça que se espalha pela sala, direcionando seu olhar para o sofá onde eu costumava sentar.
Não, não estou aí com você. Não fisicamente.
E agora você percebe que não preciso estar ao seu lado pra fortalecer nossa amizade.
Preciso apenas estar nessa fumaça cada vez que você sentir o cheiro de um café, mesmo que não seja seu.

Eu sei que vai lembrar de mim.

Decepcionado?


Ninguém tem a obrigação de te agradar ou te fazer feliz.
E você provavelmente não merece ser agradecido por algo que fez na esperança de receber algo em troca. Pois isso é apenas interesse.
Quando você faz algo de boa vontade, jamais espera por uma retribuição, jamais espera ouvir um "muito obrigado"... jamais se decepciona.

É a oportunidade de poder ajudar que faz você se sentir melhor... e não a recompensa.